Mercosul e Aliança do Pacífico devem unificar regras sanitárias

Os ministros da agricultura dos países que compõem o Mercosul se reuniram com representantes da Aliança do Pacífico para criar um grupo de trabalho com o objetivo de unificar as regras sanitárias, que são usadas, ordinariamente, como entraves ao comércio exterior.

De acordo com o Valor Econômico, a Ministra Kátia Abreu foi enfática ao indicar que a política do ministério será derrubar as barreiras que hoje servem como meros entraves burocráticos, mantendo, tão somente, as que de fato devem existir por razões técnicas.

O que se espera, de fato, é que as conversas avancem e o Brasil deixe de lado o exacerbado protecionismo, para ampliar o seu comércio exterior, possibilitando um incremento nos números de produtos importados, especialmente em um cenário de alta inflação, como o atual.

A tendência é que, com o fim das conversas, os país avancem para um Acordo entre os referidos blocos econômicos sobre a matéria.

Comentários